Donald Trump: o babaca do ano

Quando morava no Brasil, eu achava o Donald Trump o máximo. Quando me mudei, descobri que aqui nos EUA o pessoal acha o Donald Trump babaca. Eu estava ainda descrente. Afinal, li os livros dele e gostei, assisti ao O Aprendiz, etc.

Até que o Trump resolveu se candidatar a presidente, aí vi que ele é um cara carente que só quer chamar a atenção. Ele cismou que o Barack Obama não é americano, que nasceu no Quênia, e fica divulgando essa informação (falsa, obviamente). E ficou pressionando o presidente a mostrar a certidão de nascimento dele.

O Obama não poderia ter decidido fazer isso em melhor tempo. Na mesma semana ele matou o Bin Laden e mostrou a certidão de nascimento. Aí o Trump ficou sem qualquer argumento negativo para detonar o Obama. No mesmo dia, o Trump marcou uma entrevista coletiva para dizer que ele estava feliz que graças a ele (Trump) a certidão apareceu. Mas que agora ele queria ver o histórico escolar do presidente, pois achava estranho o Obama ter sido recusado para entrar em Yale, mas foi aprovado para cursar direito em Harvard (universidade mais forte que Yale), e que isso cheirava a mutreta.

Essa história tinha morrido até essa semana, em que o Trump ficou empestiando a Fox News (canal de TV de extrema direita que justamente fica inventando metiras como o Obama não sendo americano, que o plano de saúde do Obama seria criar um “painel da morte” para decidir quem vive e quem morre, etc) dizendo que tinha uma informação bombástica a respeito do Obama.

Pois bem. Eis a declaração “bombástica” do Trump:

“Sr. Presidente, eu vou escrever um cheque de US$ 5 milhões para a instituição de caridade de sua escolha se você me mostrar o seu histórico escolar e os formulários de pedido do seu passaporte antes de você ter se tornado presidente. Minha oferta é válida somente até o dia 31/10/2012 às 17:00 H”.

Francamente. Esse Donald Trump mostrou-se ser um hiper-mega-ultra babaca.

O Steven Colbert respondeu de bate-pronto: “Sr. Trump, eu vou escrever um cheque de US$ 1 milhão para a instituição de caridade de sua escolha se você deixar eu colocar os meus bagos na sua boca. Pois quero ver algo entrando na sua boca em vez de saindo. Minha oferta é válida somente até o dia 31/10/2012 às 17:00 H.”