Irmão Rico, Irmã Rica: Será que Robert Kiyosaki está apelando?

Vocês todos sabem que sou fã icondicional do Kiyosaki. Pai Rico Pai Pobre mudou minha vida, de um cara endividado consegui atingir a minha independência financeira em poucos anos.

Mas sinceramente após ver nas livrarias o novo livro do Kiyosaki, lançado agora em janeiro de 2009, começo a me perguntar se ele não está apelando.

Chamado Irmão Rico, Irmã Rica, ele foi escrito em co-autoria com a sua irmã, que é uma monge budista, e em teoria tenta falar mais do lado “espiritual” da independência financeira.

Sinceramente não vejo o objetivo de eles terem lançado esse livro. A não ser duas coisas. Uma tentar calar a boca de possíveis críticos de suas obras. Sinceramente, a melhor coisa que você tem a fazer em relação a críticos a deixar para lá. Afinal a crítica só vem porque você está ganhando dinheiro e o crítico é um frustrado (falo isso com conhecimento de causa).

O segundo ponto é que a irmão do Robert Kiyosaki estava doente, não tinha dinheiro para pagar as despesas médicas (nos EUA não existe médico/hospital de graça nem plano de saúde como no Brasil), pediu dinheiro emprestado ao irmão e pagou de volta co-escrevendo o livro? Não sei se isso foi o que realmente ocorreu, mas é o que parece.

Enfim, só folheei o livro na loja e achei que desta vez o Kiyosaki apelou. Este livro não está nem estará na minha lista de livros a serem lidos.