Supermoeda – “Adam Smith”

Supermoeda - Adam Smith“Adam Smith” é o pseudônimo de George J. W. Goodman, um analista financeiro e administrador de fundos de investimentos famoso dos anos 1960 e 1970. Quando ele começou a publicar uma coluna extremamente crítica em uma revista, ele resolveu usar como pseudônimo o nome de um dos “pais” da teoria econômica moderna. Ele publicou um total de quatro livros (O Jogo do Dinheiro, Supermoeda, Papel Moeda e The Roaring ‘80s), todos sensacionais e que recomendo a leitura. Incrivelmente, apesar de esses livros terem sido publicados nas décadas de 1960 a 1980, eles continuam extremamente atuais.

Em seu segundo livro, “Supermoeda” (“Supermoney”, no título original), que é uma continuação de O Jogo do Dinheiro, o autor explica que a maneira de se ganhar muito dinheiro da noite para o dia é criando uma empresa e abrindo o seu capital na bolsa de valores. Ou melhor dizendo, que dinheiro vem de ideias (e é uma ideia, um conceito, e não algo físico).

O livro vai muito além disso, com a narrativa sarcástica e bem humorada que é a marca registrada deste autor.

Outra marca registrada do autor é ele contando os detalhes das aventuras dele na busca de informações e pessoas. Ele conta em detalhes as aventuras dele ao ser sócio de um banco suíço e também as conversas dele com Benjamin Graham sobre como investir, e a recomendação dele em procurar o Warren Buffet. O mais bacana é que as conversas publicadas com Buffet e Graham neste livro (publicado originalmente em 1972) foram tidas muito antes de o Buffet ficar famoso.

Há algumas passagens e referências datadas, mas recomendo o livro mesmo assim. Recomendo que você faça a leitura dos livros dele de forma sequencial (este é o segundo).

Obs: Li este livro no original em inglês e por isso não tenho como avaliar a qualidade da tradução/adaptação.

Conclusão Final: Recomendado

Ficha Técnica

Título: Supermoeda
Título Original: Supermoney
Autor: “Adam Smith” (George J. W. Goodman)
Número de Páginas: 298 (em inglês)
Ano de Lançamento: 1972 (primeira edição americana) e 2006 (última edição americana); 1986 (edição brasileira)
Link para comprar (em português)
Link para comprar (em inglês)